sábado, 5 de novembro de 2016

Eu sei como ser mau




Eu  sei como ser mau,
sei ir na panela primeiro
e pegar o pedaço maior
de frango,

Sei passar o troco
errado,

Sei chutar e socar,
sei morder e ameaçar,
sei xingar e constranger

E depois dizer
que não foi nada.

Sei mentir
que é uma beleza,
pro meu bem, é claro.

Sei que
a alegria da força
é a humilhação do fraco
e que o ganho justifica
o engano do ingênuo,

Sei como dizer
sem um pingo de remorso:
besta é que se deixa
enganar,

Achado não é
roubado, o dono
é relaxado.

Eu sei como ser mau,
sei tirar vantagem
sei passar conversa,
seduzir na base
de promessa

Que não vou
cumprir.

Eu sei como ser mau
e sei porque vi gente
muito boa nisso em
ação.

Eu sei como ser mau,
sei onde enfiar a faca
e onde dar o tiro, sei
onde a paulada dói
mais,

Tenho uma mira boa
pra pedrada,

Eu sei como ser mau,
da mesma forma como
foram maus comigo,

Tenho um litro de veneno
enegrecendo o coração,
contaminando veias
e artérias,

Tá nos meus intestinos
e nas camadas mais
fundas da pele.

Eu sei como ser mau
e tenho até motivos,
mas não importa
o que fizeram
comigo

Eles não vão fazer
de mim um deles.

Eu sei como ser mau,
mas não sou covarde.


                                               
Gostou?
Pois seja bonzinho
e compartilhe.
Valeu!

2 comentários: